Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Se tem sido relativamente pacífico o entendimento de que a ação educativa deve combinar o conhecimento universal com a cultura e as especificidades nacionais e locais, na atualidade, o processo de internacionalização da educação e do currículo segundo perspetivas hegemónicas tende a pôr em causa este desiderato e a relegar para o segundo plano o contributo das epistemologias do sul na promoção do património universal do conhecimento. No entanto, é possível contrariar-se a lógica dominante na agenda global mediante a promoção de lógicas de colaboração solidária no campo da educação e a assunção de um maior protagonismo dos estados nacionais, das escolas e dos professores.

 

Este é o resumo de uma das comunicações que apresentei ao XII Congresso da Sociedade Portuguesa das Ciências da Educação, realizado em Setembro de 2004 em Vila Real, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (Portugal).

 

Pode aceder ao texto integral através do link que se segue:

Desafios da educação e do curriculo_Atas SPCE_BOOK_v.final

 

Ph.D.Bartolomeu L. Varela

Universidade de Cabo Verde 

 

Presidente SPCE.jpg

Presidente da SPCE, Professor Doutor Almerindo Afonso, na abertura do Congresso 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:22


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.